Programa de Pós-Graduação em Jornalismo
  • Defesa de Dissertação: “Jornalismo, Comunicação Organizacional e Parques Tecnológicos: análise da comunicação sobre o Sapiens Parque”

    Publicado em 16/08/2018 às 18:14

    Na manhã desta sexta-feira, 17 de agosto, a mestranda Ana Luísa Funchal Oliveira defende a dissertação “Jornalismo, Comunicação Organizacional e Parques Tecnológicos: análise da comunicação sobre o Sapiens Parque”, orientada pelo professor Dr. Carlos Augusto Locatelli. A arguição se inicia a partir das 8h30, na sala Machado de Assis (407 do Bloco B do Centro de Comunicação e Expressão). A banca examinadora será composta pelos professores doutores Daiane Bertasso Ribeiro (UFSC), Gabriela Gonçalves Silveira Fiates (ADM/UFSC).

     


  • Calendário de Reuniões do Colegiado do PPGJOR – 2018.2

    Publicado em 15/08/2018 às 17:16

    PPGJOR divulga o Calendário de Reuniões do Colegiado para o segundo semestre letivo. Para acessar, clique aqui


  • Defesa de Dissertação: “Fotojornalismo do coletivo fotográfico SP invisível e humanização de pessoas em situação de rua”

    Publicado em 10/08/2018 às 14:00

    A dissertação “Fotojornalismo do coletivo fotográfico SP invisível e humanização de pessoas em situação de rua”, de autoria de Marcelo De Franceschi dos Santos, será defendida no dia 24 de agosto, a partir das 14h. A sessão é aberta ao público e ocorrerá na sala 413 do Bloco B do Centro de Comunicação e Expressão (CCE/UFSC). O estudo aborda como ocorre a humanização de pessoas nas publicações do coletivo fotográfico SP invisível em sua página no site de rede social Facebook. Após revisar a bibliografia, a análise focou em dez fotografias de entrevistas mais populares da iniciativa, no período de 7 de novembro de 2014 a 2 de abril de 2017.

    O trabalho foi orientado pela professora Raquel Ritter Longhi e a banca avaliadora é composta pela professora Erika Zerwes, pós-doutoranda do Museu de Arte Contemporânea da Universidade de São Paulo, e pelos professores Eduardo Meditsch e Jorge Ijuim, ambos do PPGJOR/UFSC. As suplentes são as professoras Melina Ayres (PPGJOR/UFSC) e Flávia Guidotti (PPGJOR/UFSC).


  • Defesa de Dissertação: “O jornalismo no banco dos réus: análise de ações de indenização por dano moral julgadas pelo TJSC entre 2010 e 2017”

    Publicado em 08/08/2018 às 15:42

    O trabalho intitulado “O jornalismo no banco dos réus: análise de ações de indenização por dano moral julgadas pelo TJSC entre 2010 e 2017” é autoria do mestrando Caetano Machado. A partir de teorias do Jornalismo e Direito, o objetivo geral da dissertação é cartografar, analisar e compreender como o Poder Judiciário julga, em segunda instância, ações de dano moral contra jornalistas, organizações jornalísticas e suas fontes.

    O corpus é composto por 578 acórdãos do TJSC que envolveram jornalistas, fontes e organizações jornalísticas entre 1º de janeiro de 2010 e 31 de dezembro de 2017. Os resultados obtidos indicam que, majoritariamente, os processos e as condenações recaem sobre as organizações jornalísticas e não sobre os profissionais; 43,6% dos processos recebem condenação, com pena em dinheiro; e as situações que mais envolvem processos são matérias que tratam de violência e segurança pública.

    A defesa será no dia 17 de agosto, às 14h, na sala 407 (bloco B do CCE).  Os membros titulares na avaliação são os professores Samuel Lima (PPGJOR/UFSC) e Prudente Mello (Cesusc). Os suplentes são a professora Valci Zuculoto (PPGJOR/UFSC) e Francisco Karam (UFSC).


  • DISCIPLINA ISOLADA PPGJOR – 2018.2 RESULTADO FINAL

    Publicado em 03/08/2018 às 15:36

    A Coordenadora, em exercício, do Programa de Pós-Graduação em Jornalismo (PPGJOR) da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), no uso de suas atribuições e em conformidade com o Edital 010/PPGJOR/2018, que trata da oferta de vagas em disciplinas isoladas nos níveis Mestrado e Doutorado, torna pública a lista dos candidatos selecionados para realizarem matrícula para o segundo semestre de 2018: Clique aqui!


  • Em defesa da liberdade de expressão e da autonomia universitária

    Publicado em 01/08/2018 às 10:56

    O Programa de Pós-Graduação em Jornalismo da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) apoia e concorda com o manifesto publicado pelo Departamento de Jornalismo da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC),  repudiando os atos de agentes públicos, neste caso da Polícia Federal/SC, que ferem dois direitos fundamentais tão duramente consagrados na constituição: a liberdade de expressão (direito à opinião) e a autonomia universitária.

    O professor Áureo Mafra de Moraes está sendo alvo de uma investigação da Polícia Federal por ter participado, na condição de chefe de gabinete do reitor, da homenagem feita ao reitor morto, Luiz Carlos Cancellier de Olivo, por ocasião da celebração dos 57 anos da UFSC. Intimado pela PF, o professor Áureo foi pressionado a identificar os estudantes, colegas docentes e técnicos administrativos que participaram do evento e protestaram contra o que consideram abuso de autoridade de partes dos agentes públicos responsáveis pela famigerada operação “Ouvidos Moucos”, cujos desdobramentos trágicos e resultados pífios são conhecidos, publicamente. O processo revela prepotência e autoritarismo. Estamos de acordo com a Associação Nacional dos Dirigentes das Instituições Federais de Ensino Superior (Andifes), que em nota pública sobre o episódio escreveu: “A autonomia universitária, resguardada pela Constituição Federal, tem sido desprezada, e aqueles que deveriam fazer cumprir a lei e garantir os direitos expressos na carta magna brasileira, lançam mão de artifícios para intimidar, cercear e tentar impor um regime ao qual a Universidade não irá jamais se curvar”.

    Não se trata de um caso isolado. O professor Paulo Pinheiro Machado, do Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH/UFSC), que atuou de forma pacífica durante a invasão do Bosque da UFSC pela Polícia Federal em 2014, após oitivas e inquéritos similares da PF tornou-se réu em um processo recentemente confirmado pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4). Outros episódios já aconteceram também na Universidade Federal de Minas Gerais (invasão do campus e condução coercitiva do reitor) e, mais recentemente, a instauração de processos contra professores da Universidade Federal do ABC (em São Paulo), pelo fato de terem organizado um lançamento de livro. Há menos de um ano, os mesmos agentes públicos, liderados pelo Ministério Público Federal e ministro da Educação, tentaram impedir, na Universidade de Brasília (UnB), a realização de uma disciplina que refletia criticamente sobre os acontecimentos que levaram ao afastamento da ex-presidenta Dilma Rousseff, em agosto de 2016. A universidade pública federal brasileira está sob intenso ataque pelas forças que tomaram o poder político no país, não há dúvida.

    Assim, nos manifestamos em defesa da liberdade de expressão e da autonomia das universidades públicas federais.


  • EDITAL 011/PPGJOR/2018 – Inscrições para solicitação de matrícula em disciplinas isoladas (M e D)

    Publicado em 27/07/2018 às 18:08

    A Coordenadora, em exercício, do Programa de Pós-Graduação em Jornalismo (PPGJOR) da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), no uso de suas atribuições, torna pública a abertura das inscrições para solicitação de matrícula em disciplinas isoladas nos níveis Mestrado e Doutorado, considerando as disciplinas oferecidas para o segundo semestre de 2018. Clique aqui!


  • Defesa de Dissertação: “Jornalismo esportivo e a cobertura da rivalidade GreNal em 2016: o título do Grêmio e o rebaixamento do Inter”

    Publicado em 27/07/2018 às 16:06


    O segundo semestre já se inicia com uma defesa de dissertação no PPGJOR. No dia 8 de agosto, a partir das 14h, na sala 413 (Bloco B do CCE),  a mestranda Thalita Neves defende o trabalho “Jornalismo esportivo e a cobertura da rivalidade GreNal em 2016: o título do Grêmio e o rebaixamento do Inter”. A dissertação foi orientada pelo professor Mauro César Silveira e a banca avaliadora é composta pela professora Nair Prata, do Programa de Pós-Graduação em Comunicação e Temporalidades da Universidade Federal de Ouro Preto, pelo professor Jorge Kanehide Ijuim e pela professora Cárlida Emerim, ambos do PPGJOR/UFSC. Os suplentes são os professores Frederico Tavares (PPGCOM/UFOP) e Valci Zuculoto (PPGJOR/UFSC).

    A dissertação aborda como as preferências clubísticas dos jornalistas esportivos do jornal Zero Hora (ZH) intervêm na cobertura da dupla GreNal, sobretudo em um momento característico na história dos dois rivais seculares, ocorrido simultaneamente em 2016: o título do Grêmio e a queda do Inter. O corpus empírico abrange matérias publicadas e depoimentos dos repórteres que assinaram tais matérias.


  • Horário Especial da Secretaria

    Publicado em 23/07/2018 às 09:48

    No período de férias até o dia 27/7 a secretaria do PPGJOR estará atendendo das 09h30 às 12h.

    Professora Rita Paulino
    Vice-coordenadora do PPGJOR
     

  • RESULTADO FINAL E DEFINITIVO DO PROCESSO DE AVALIAÇÃO E DE SELEÇÃO PARA ALOCAÇÃO DE BOLSAS PARA ALUNOS DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM JORNALISMO – PPGJOR/UFSC

    Publicado em 12/07/2018 às 00:01

    A Comissão Permanente de Bolsas, instituída pela Portaria 26/PPGJOR/2018, no uso de suas atribuições e tendo em vista a Resolução Normativa n.° 01/POSJOR/2014, a Resolução Normativa n.° 01/PPGJOR/2018, a Portaria n.° 76/CAPES/2010, a Resolução n.° 40/CPG/2010 e a Portaria Conjunta CAPES-CNPq n.° 01/2010 e em consonância com os Editais 007/PPGJOR/2018, 008/PPGJOR/2018 e 009/PPGJOR/2018, torna público o RESULTADO FINAL E DEFINITIVO do Processo de Avaliação e de Seleção para Alocação de Bolsas para Alunos do Programa de Pós-Graduação em Jornalismo – PPGJOR/UFSC.
    Clique aqui para ver o EDITAL 010/PPGJOR/2018