Programa de Pós-Graduação em Jornalismo
  • PDSE: Comissão do PPGJOR divulga resultado final da seleção interna

    Publicado em 26/02/2021 às 08:25

    A Comissão do PPGJOR/UFSC responsável pela seleção interna à bolsa para o Programa de Doutorado Sanduíche no Exterior (PDSE/CAPES 2020) divulga o resultado final do edital 01/PDSE/PPGJOR/2020. Encerrado o prazo para a interposição de recursos, o resultado definitivo é apresentado aqui.

    Duas canditaturas foram classificadas no processo interno de seleção a uma vaga destinada ao Programa de Pós-Graduação em Jornalismo para a realização de um período de quatro a seis meses de doutorado sanduíche no exterior. Embora neste momento haja apenas uma vaga para o PPGJOR, a comissão decidiu selecionar e classificar as duas candidaturas que se inscrevem, tendo em vista que cumpriam os requisitos dos editais da Capes e do Programa. Assim, caso surja uma nova vaga não utilizada por outros Programas, o PPGJOR poderá recomendar à Pró-Reitoria de Pós-Graduação da UFSC o nome da segunda classificada para o período sanduíche no exterior.

    A íntegra do edital PDSE/PPGJOR/2020, com o detalhamento e o cronograma das próximas etapas, está disponível aqui. A comissão interna esclarece, porém, que ofício divulgado pela Capes no dia 17 de fevereiro de 2021 comunica que as viagens para mobilidade internacional de bolsistas e pesquisadores serão retomadas a partir de setembro de 2021, por causa dos desdobramentos da pandemia de Covid-19.


  • Mestranda defende dissertação sobre representações sociais nos jornais dos chamados povos “ciganos”

    Publicado em 19/02/2021 às 11:45

    Na próxima segunda-feira, dia 22, a mestranda Anaíra Sousa de Moraes Sarmento defende a dissertação “Representações sociais dos povos chamados ‘ciganos’ em jornais brasileiros (2008-2018)”.

    A pesquisa tem como objeto de estudo as representações sociais construídas pela cobertura jornalística brasileira sobre os povos de etnia Romani, chamados “ciganos”. O objetivo é identificar e analisar as representações construídas acerca desses sujeitos e comunidades, no âmbito do jornalismo, buscando compreender e tensionar a relação entre tais representações, a cidadania e os direitos da população Romani no Brasil. Definiu-se como objeto empírico os jornais Estado de Minas (MG), Correio (BA) e O Popular (GO), por se localizarem nos estados brasileiros com maior concentração de acampamentos “ciganos”. A mestranda parte do pressuposto de que a mídia jornalística desempenha um papel fundamental no processo de (re)construção de representações sobre indivíduos e/ou grupos sociais, e que o modo de representar afeta a forma como eles são reconhecidos ou não enquanto sujeitos de direitos.

    A dissertação, orientada pela professora Maria Terezinha da Silva, terá como banca avaliadora as professoras Gislene Silva (UFSC) e Leslie Sedrez Chaves (UFSC). A sessão inicia às 9 horas, via plataforma Conferência Web, e pode ser acessada neste link. Mestrandos e doutorandos do Programa poderão assinar a lista de presença aqui.


  • Resultado preliminar da seleção interna para Doutorado Sanduíche no Exterior

    Publicado em 19/02/2021 às 09:00

    A Comissão do PPGJOR, responsável pela seleção interna à bolsa para o Programa de Doutorado Sanduíche no Exterior (PDSE/CAPES 2020), concluiu a avaliação das candidaturas inscritas e divulga hoje, 19, o edital com o resultado preliminar. Conforme o cronograma do edital 01/PDSE/PPGJOR/2020, que estabelece as normas para a fase específica de seleção interna do Programa, o prazo para recurso é até o dia 23 de fevereiro. O resultado final interno será divulgado no dia 26 de fevereiro.

    O processo interno visa à seleção para uma vaga destinada ao Programa de Pós-Graduação em Jornalismo da UFSC para um período de quatro a seis meses de doutorado sanduíche no exterior. Ainda assim, a Comissão selecionou e classificou duas canditaturas para a eventualidade de surgir outra vaga não utilizada por outros programas de pós-graduação e que possa ser destinado ao PPGJOR.

    Acesse o resultado preliminar aqui.


  • PPGJOR abre seleção para mestrado e doutorado com vagas de ações afirmativas

    Publicado em 15/02/2021 às 08:30

    O PPGJOR/UFSC lança hoje, 15, o edital do processo seletivo 2021 para novos estudantes de mestrado e doutorado com uma novidade: metade das vagas serão destinadas a ações afirmativas. Quatro grupos sociais são contemplados: pessoas negras (pretas, pardas, quilombolas e indígenas), pessoas com deficiência, travestis e transsexuais, e pessoas refugiadas.

    A escolha desses grupos se baseou em estudo de uma comissão de especialistas que discutiu o tema. “Por mais que o PPGJOR não cobre taxas de inscrição nem mensalidades, receba alunos de todas as regiões brasileiras e venha criando novas oportunidades de ingresso, ainda estamos distantes de atender esses grupos sociais se considerarmos a sua presença na população brasileira”, explica o coordenador do Programa, Rogério Christofoletti. Ao longo de 2020, a comissão de especialistas fez um diagnóstico do programa e indicou ações para ampliar os incentivos de entrada desses contigentes. A Secretaria de Ações Afirmativas e Diversidades (SAAD/UFSC) compôs a comissão e acompanhou todo o processo de elaboração do edital, que está amparado à legislação brasileira e à recente resolução da pós-graduação sobre o tema.

    “Estamos abrindo 15 vagas para mestrado e 11 para doutorado. Metade será destinada às ações afirmativas, o que significa dizer que 13 vagas poderão ser preenchidas por pessoas de grupos sociais historicamente à margem na pós-graduação”, completa Christofoletti. “Estamos muito empenhados neste processo que vai tornar nosso programa ainda mais democrático, plural e inclusivo”.

    Interessados podem fazer suas inscrições gratuitas até 12 de março, e a seleção tem três etapas: avaliação de projetos e currículos, prova escrita e entrevista. Todas as fases serão a distância, respeitando as orientações sanitárias impostas pela pandemia da Covid-19. Requisitos, datas e detalhes da disputa constam do edital, inclusive declarações adicionais a serem apresentadas por candidatos das ações afirmativas e um modelo de projeto de pesquisa a ser submetido.

    O PPGJOR surgiu em 2007 e é um programa dedicado a investigar o jornalismo e a formar pesquisadores e professores na área. Seus 16 professores estão distribuídos em três linhas de pesquisa: Cultura e Sociedade; Tecnologias, Linguagens e Inovação; e Conhecimento e Profissão. O programa é um dos únicos do país a oferecer Mestrado e Doutorado em Jornalismo. Os cursos são inteiramente públicos e gratuitos, e tem nota 4 no sistema de avaliação da Capes.


  • Jornada Discente recebe resumos expandidos até 23 de fevereiro

    Publicado em 11/02/2021 às 14:47

    Começou o período de envio dos resumos expandidos para a 10ª Jornada Discente. Estudantes de mestrado e doutorado do PPGJor devem submeter seus trabalhos até dia 23 de fevereiro.

    Essa será a versão que fará parte do Caderno final do evento. Os resumos precisam conter os seguintes itens: objetivo(s) da pesquisa; objeto de estudo; objeto empírico; metodologia e resultados preliminares (se houver). Nesta versão completa, cada trabalho deve ter entre 2000 e 5000 caracteres (incluindo espaços, notas de rodapé e referências).

    O quê: prazo de submissão dos resumos expandidos para a 10ª Jornada Discente do Programa de Pós Graduação de Jornalismo (POSJor/UFSC) (online);

    Prazo: até dia 23 de fevereiro de 2021

    Quem pode enviar: estudantes de mestrado e de doutorado do PPGJor

    Como enviar: via formulário (clique aqui para submeter o seu resumo expandido)

    Data da 10ª Jornada Discente: de 15 a 19 de março de 2021.


  • Doutoranda do PPGJOR defende tese sobre a informação crítico-emancipatória nos programas radiofônicos femininos

    Publicado em 08/02/2021 às 15:02

    Na próxima quarta-feira, dia 10, a doutoranda Juliana Cristina Gobbi Betti defende a tese intitulada “Informação crítico-emancipatória com perspectiva de gênero: os direitos das mulheres nos programas radiofônicos femininos”.

    Assumindo uma concepção epistemológica feminista, a pesquisa analisa as características da produção radiofônica segmentada para o público feminino, observando na informação transmitida o potencial para a construção de um conhecimento crítico-emancipatório sobre os direitos das mulheres. Para isso, utiliza procedimentos metodológicos da Hermenêutica de Profundidade, tendo como objeto empírico o programa Mulheres de Palavra, uma produção jornalística da Rádio Câmara de Brasília. Igualmente, recupera a memória do que foi produzido por e para elas ao longo da história do rádio brasileiro, inventariando os programas que integram tal segmento e, sempre que possível, relacionando-os ao contexto dos avanços nos direitos das mulheres.

    A tese, orientada pelo professor Eduardo Meditsch, terá como banca avaliadora as professoras Debora Cristina Lopez (UFOP), Valci Zuculoto (UFSC) e Terezinha da Silva (UFSC). A sessão inicia às 14 horas, via plataforma Conferência Web, e pode ser acessada neste link. Mestrandos e doutorandos do Programa poderão assinar a lista de presença aqui.


  • Egressa e doutoranda publicam artigo na revista Alterjor

    Publicado em 04/02/2021 às 12:31

    A primeira edição de 2021 da revista Alterjor, da Universidade de São Paulo (USP), acaba de ser publicada e traz um artigo de pesquisadoras do PPGJOR. “Um relato de experiência do Projeto Elas SobreOTatame: impactos de um ciberativismo feminista” é assinado pela doutora Ingrid Pereira de Assis, egressa do programa, e pela doutoranda Juliana Gobbi Betti, ao lado das jornalistas e pesquisadoras Larissa Silva Abreu (UFMA) e Joceline Conrado da Silva (PUC-PR).

    O artigo relata pesquisa com as participantes dos eventos ocorridos em 2019 no Projeto SobreOTatame, e o objetivo foi compreender os impactos da iniciativa na vida dessas mulheres. Foi aplicada uma entrevista semiestruturada para perceber a compreensão da emancipação, autonomia e formação de conhecimento acerca das temáticas abordadas.

    O volume 23 número 1 da revista, com um dossiê sobre jornalismo popular e alternativo, pode ser acessado aqui na íntegra.


  • Últimos dias para envio de resumos para a 10ª Jornada Discente

    Publicado em 02/02/2021 às 15:36

    Esta é a última semana para que estudantes de mestrado e de doutorado do PPGJOR enviem os resumos de trabalhos para a 10ª Jornada Discente. A submissão deve ser feita até sexta-feira, dia 5 de fevereiro, por este link. Já os resumos expandidos precisam ser submetidos até 23 de fevereiro de 2021.

    As regras são estas: o resumo síntese deve ter até dez linhas, entre 900 e 1000 caracteres, e conter objeto de estudo; objetivo; objeto empírico (se houver) e metodologia, conforme padronização de resumo de artigo. Essa síntese vai facilitar a composição das mesas pela Comissão de Programação, mas ainda não é o resumo completo, versão que irá compor o caderno final.

    A 10ª Jornada Discente será realizada virtualmente de 15 a 19 de março de 2021. Trata-se de uma oportunidade fundamental de debate e intercâmbio científico entre discentes e docentes do PPGJOR. É obrigatória a participação de todos os estudantes matriculados no programa.

    O quê: prazo para submissão de resumos de trabalhos para a 10ª Jornada Discente do Programa de Pós Graduação de Jornalismo (PPGJOR/UFSC) (online);

    Envio dos resumos simples: de 5 de janeiro a 5 de fevereiro de 2021 (resumos de até dez linhas, entre 900 e 1000 caracteres, seguindo padronização de resumo de artigo);

    Envio dos resumos expandidos: até 23 de fevereiro de 2021;

    Quem deve enviar: estudantes de mestrado e de doutorado do PPGJor;

    Como enviar:  via formulário

    Data da 10ª Jornada Discente:  de 15 a 19 de março de 2021.


  • PPGJOR reinicia as aulas remotas na segunda, 1

    Publicado em 29/01/2021 às 11:44

    Professores e alunos da pós-graduação reiniciam as aulas em sistema remoto na próxima segunda-feira, dia 1º de fevereiro. No PPGJOR, é a retomada do segundo semestre de 2020, que começou em 30 de novembro. As aulas acontecem por sistema de videoconferência e com apoio do Moodle, atendendo às recomendações sanitárias e às orientações dos comitês de acompanhamento da pandemia da UFSC. A universidade mantém a suspensão temporária de atividades presenciais até 22 de maio.

    No PPGJOR, a previsão é de que 2020/2 termine em 2 de abril. O calendário 2021 está em preparação.

    Neste semestre, estão sendo ofertadas seis disciplinas, além dos estágios de docência.

    Confira:

    Segundas-feiras,
    das 9 às 11h

    Tópicos Avançados em Conhecimento e Profissão: Jornalismo e Desinformação

    Rogério Christofoletti Eletiva, 2 créditos, Mestrado e Doutorado
    Terças-feiras,
    das  8 às 12h
    Teoria do Jornalismo Jacques Mick Obrigatória, 4 créditos, Mestrado e Doutorado
    Terças-feiras,
    das 14 às 18h
    Metodologia da Pesquisa em Jornalismo Daiane Bertasso Ribeiro Obrigatória, 4 créditos, Mestrado e Doutorado
    Quartas-feiras,
    das 9 às 12
    Estudos Dirigidos em Metodologia de Pesquisa Cárlida Emerim e Jorge Ijuim Obrigatória, 4 créditos, apenas Doutorado
    Quartas-feiras,
    das 14h30 às 16h30

    Tópicos Avançados em Tecnologias, Linguagens e Inovação – Plataformização, narrativas e narratividades

    Raquel R. Longhi Eletiva, 2 créditos, Mestrado e Doutorado
    Quintas-feiras,
    das 9 às 12h

    Cultura, Imagem e Estética

    Flávia G. Guidotti  Eletiva, 4 créditos, Mestrado e Doutorado

  • Dossiê sobre sociologia do jornalismo traz artigo de pesquisadores do PPGJOR

    Publicado em 18/01/2021 às 11:54

    A mais recente edição da revista Plural, que reúne textos para o dossiê Sociologia do Jornalismo, traz como um dos destaques artigo de pesquisadores do PPGJOR. O professor Jacques Mick e a doutoranda Andressa Kikuti assinam o trabalho “O mundo do trabalho de jornalistas no Brasil: uma agenda de pesquisa”, e Mick participa ainda da entrevista feita com uma das referências nacionais na área, a professora Isabel Travancas.

    A Plural é editada pela Universidade de São Paulo e o volume 27, nº 2 pode ser conferido aqui.

    Na mesma linha de pesquisas, o professor do PPGJOR publicou recentemente o artigo “Trajetórias profissionais de assessores de imprensa e jornalistas de mídia”, na revista Famecos, da PUC-RS.