Programa de Pós-Graduação em Jornalismo
  • Defesa de dissertação de Caroline Westerkamp: Trabalhos de Conclusão de Curso de Jornalismo

    Publicado em 08/12/2022 às 11:35

    ATENÇÃO: novo horário da defesa de dissertação de Caroline Westerkamp

    Em função do jogo do Brasil X Croácia na Copa do Mundo, a banca foi transferida para às 08h30. Agende-se! Link na bio.

    Segue o resumo do trabalho:

    A realização de documentários em Trabalhos de Conclusão de Curso de Jornalismo é tema da dissertação de mestrado de Caroline Westerkamp Costa, orientada pela profa. Dra. Flavia Guidotti. A pesquisa busca, a partir da metodologia de história oral, um panorama histórico dessas produções desde 1982 – ano da formatura da primeira turma de Jornalismo da UFSC. A defesa acontece no dia 09 de dezembro de 2022 às 10h30, por videoconferência. A banca examinadora será composta pela profa. Dra. Fabiana Picinnin (UFSC), profa. Dra. Daiane Bertasso (UFSC) e Fernando Crocomo (UFSC).


  • Semana Comemorativa de 15 anos do PPGJor/UFSC

    Publicado em 25/11/2022 às 11:47

    Na sexta-feira, 25, encerramos a Semana Comemorativa de 15 anos do PPGJor/UFSC com participação de autoridades, docentes e discentes.

    Nas duas mesas da manhã, tratamos sobre o panorama da pesquisa em jornalismo e o protagonismo do PPGJor nos estudos deste campo.

    Agradecemos a todos e todas que fizeram este evento possível: discentes e professores que participaram das comissões de trabalho, ao apoio institucional da @universidadeufsc e especialmente a colaboração da @apufsc.
    Foto @mdfranceschi

    Viva o PPGJor!!!


  • Confira a programação completa da 12ª Jornada Discente

    Publicado em 19/11/2022 às 18:01

    Tem início na próxima segunda-feira, 21, e segue até sexta-feira, 25, a 12ª edição da Jornada Discente do Programa de Pós-Graduação em Jornalismo (PPGJOR) da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). A edição deste ano da Jornada Discente será a primeira em formato presencial desde o começo da pandemia e também integra as atividades em comemoração ao aniversário de 15 anos do PPGJOR/UFSC.

    Com o tema “Desinformação, política e verdade na era digital”, o evento tem 45 estudantes inscritos nas sete mesas de apresentações e na tradicional roda de conversa com ingressantes e concluintes.

    A Jornada será aberta com a palestra da antropóloga e professora da UFSC Letícia Cesarino, que recentemente lançou o livro “O Mundo do Avesso – verdade e política na era digital . A outra convidada é a jornalista e professora da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) Fabiana Moraes, autora do livro “A pauta é uma arma de combate”.

    Confira abaixo programação completa da 12ª Jornada Discente:

     

    SEGUNDA-FEIRA, 21

    ABERTURA
    9h – Palestra com Letícia Cesarino, antropóloga e professora da UFSC, autora do recém lançado livro “O Mundo do Avesso – verdade e política na era digital”.

    Mediação: Rogério Christofoletti

    Local: Auditório do Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH)

     

    MESA 5 – JORNALISMO EM SITUAÇÕES DE CRISE

    14h às 18 h

    · Crise organizacional como acontecimento público: a cobertura de Brumadinho – Wagner Rodrigo Arratia Concha

    · Abordagem jornalística sobre direitos humanos de crianças durante a pandemia de Covid-19 – Lynara Ojeda de Souza

    · Tensionamentos no jornalismo científico após a pandemia de covid-19 – Luiza Mylena Costa Silva

    · Intencionalidade fotográfica na cobertura fotojornalística do apagão no Amapá – Jhenni Suelen Costa Quaresma

    Local: Auditório Henrique Fontes (CCE)

     

    RODA DE CONVERSA COM INGRESSANTES E CONCLUINTES

    A partir das 18h30

    · Entre memórias e experiências: o documentário em TCCs de Jornalismo da UFSC de 1982 a 2021 – Caroline Westerkamp Costa

    · Agricultura familiar ou agronegócio? Uma análise de notícias do Portal NSC (2017) – Diana Mannes Koch

    · A crítica feminista de jornalismo em teses e dissertações – Gabriela Almeida

    · Trajetórias profissionais de jornalistas no Brasil – Andressa Kikuti

    · Jornalistas em Aliança – a tecitura de uma perspectiva de gênero transnacional – Jessica Gustafson

    · Representações sociais das mulheres no Diário Catarinense – Eduarda Pereira

    · Jornalismo Automatizado: Inteligência Artificial nas redações das organizações jornalísticas – Laura Cabral

    · O jornalismo profissional das periferias e favelas brasileiras – Juliana Freire Bezerra

    · Jornalismo como projeto de paixão, jornalismo como projeto de precarização – Dairan Paul

    · Os graus de vigilância e lealdade do jornalismo político brasileiro em 2020 – Natália Paris

    · O Jornalismo na construção do agronegócio no Brasil – Suelyn Cristina Carneiro da Luz

    · A cobertura jornalística com perspectiva de gênero nas Eleições 2018 – Barbara Maria Popadiuk

    · Quando uma de nós morre: o feminicídio no portal G1 – Malena Wilbert

    · Reconfiguração da reportagem radiofônica brasileira contemporânea – Arnaldo Zimmermann

    · Análise de distribuição de conteúdo em grupos privados de WhatsApp em portais de notícias do interior catarinense – Ricardo Luiz Aoki

    · Consórcio de veículos de imprensa: Do combate à desinformação à recuperação da credibilidade jornalística – Vitória Peraça Ferreira

    Local: Auditório Henrique Fontes (CCE)

     

     

    TERÇA-FEIRA, 22

    MESA 1 – GÊNERO E JORNALISMO FEMINISTA

    Das 9h às 12h

    · O potencial aleijador do jornalismo nas representações de mulheres com deficiência – Thais Araujo de Freitas

    · Brasil Mulher e Nós Mulheres: As práticas da imprensa feminista no período ditatorial – Helena Brandt Corrêa de Oliveira

    · Elas gritam gol: narração feminina em transmissões de futebol e ensino de jornalismo – Raphaela Xavier de Oliveira Ferro

    Local: Auditório Henrique Fontes (CCE)

     

    PALESTRA

    13h30 – Palestra com Fabiana Moraes, jornalista e professora da UFPE, autora do recém lançado livro “A pauta é uma arma de combate”.

    Mediação: Jorge Kanehide Ijuim

    Local: Auditório Henrique Fontes (CCE)

     

    QUARTA-FEIRA, 23

    MESA 2 – PROFISSÃO

    Das 9h às 13h

    · O perfil dos jornalistas gaúchos: vida e trabalho em um contexto de precariedade –- João Victor Gobbi Cassol

    · O perfil profissional de jornalistas catarinenses – Cesar Orlando Valente

    · O condicionamento dos capitais nas trajetórias profissionais de agentes do campo jornalístico brasileiro – Leopoldo Pedro Neto

    · O radiojornalismo na visão de repórteres em tempos de produção multiplataforma – Juliana Gomes

    Local: Sala Drummond

     

    MESA 4 – TEORIAS E HISTÓRIA DO JORNALISMO

    Das 9h às 13h

    · Notícia ou “publi”? Conteúdo editorial pago e credibilidade jornalística – Natália Huf

    · Tensionamentos entre plataformas e agenda setting: observações no Twitter – Lia Gabriela Pagoto

    · Imprensa e samba na história: relações entre jornalistas e sambistas (1920-1970) – Matheus Lobo

    · Ética e credibilidade: a percepção de jornalistas e públicos sobre o jornalismo – Raphaelle Batista

    · Transparência jornalística enquanto estratégia para abertura de veículos de imprensa – Kalianny Bezerra de Medeiros

    Local: a confirmar

     

    MESA 7 – AUDIOVISUAL

    Das 14h às 18h

    · A opinião na transmissão da Rádio Tupi no Carnaval 2022 – Anderson Luiz Condor Baltar

    · Amazônia Legal: O envolvimentoo da audiência em telejornais das regiões Norte e Nordeste – William Castro Morais

    · Registros do cotidiano rural na história do fotojornalismo – Luiz Felipe Leão Buzzi

    · Fotojornalismo e direitos humanos: conexões e interseções – Lauriano Atílio Benazzi

    · Processos de subjetivação em comunidade: A experiência com imagens jornalísticas – Rafael Giovani Venuto

    Local: Sala Drummond (CCE)

     

    QUINTA-FEIRA, 24

    MESA 6 – POLÍTICA E CIDADANIA

    Das 9h às 13h

    · A comunicação no centro da eleição: Conflitos julgados pelo TSE na campanha eleitoral para presidência da república em 2022 – Renatha M Giordani

    · O uso do conteúdo gerado por usuários na mídia alternativa: efeitos da plataformização sobre o social – Douglas Barbosa Gomes

    · Algoritmos e humanos, parceiros de redação: A cobertura do portal G1 das eleições municipais de 2020 – Matheus Costa Nunes

    · O apoio do jornalismo na melhoria da qualidade da educação na escola básica – Ivone Ananias dos Santos Rocha

    Local: Auditório Henrique Fontes (CCE)

     

    MESA 3 – TERRITÓRIO, RAÇA E ETNIA

    Das 9h às 13h

    · Quando o “outro” é indígena: Crítica às práticas jornalísticas pelo olhar dos povos originários – Tatiane Karina Barbosa de Queiroz

    · Redes comunitárias de comunicação na comunidade quilombola Cajueiro em Alcântara/MA – Marisvaldo Silva Lima Silva

    · Análise de notícias veiculadas na Folha de S. Paulo sobre o Marco Temporal imposto a terras indígenas – Leticia Ferreira Bueno

    · Jornalismo e racismo no Brasil contemporâneo: tensionamentos e insurgências – Ediane Barbosa Oliveira

    Local: a confirmar

     

     

    SEXTA-FEIRA, 25

    MESAS TEMÁTICAS DO PPGJOR – 9h

    · O pioneirismo do PPGJOR

    · A pesquisa em Jornalismo no Brasil

    Local: Auditório do EFI


  • Programa de Pós-Graduação em Jornalismo da UFSC comemora 15 anos com semana de eventos especiais

    Publicado em 10/11/2022 às 17:13

    O Programa de Pós-Graduação em Jornalismo da Universidade Federal de Santa Catarina (PPGJOR/UFSC) celebra de 21 a 25 de novembro seus 15 anos com uma programação especial. A Semana Comemorativa engloba palestras, rodas de conversa e mesas que discutem temas variados da pesquisa em jornalismo e encerra uma série de eventos realizados durante todo o ano de 2022.

    A programação inicia na segunda-feira, 21, com a palestra da antropóloga e professora da UFSC, Letícia Cesarino, autora do recém-lançado livro “O Mundo do Avesso – verdade e política na era digital” (Ubu Editora). A palestra ocorre no auditório do CFH, às 9h.

    Já no dia 22, terça-feira, Fabiana Moraes, jornalista e professora da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), autora do livro “A pauta é uma arma de combate” (editora Arquipélago) também estará presente no evento realizando uma palestra. A fala ocorre às 13h30, no auditório Henrique Fontes, no CCE.

    Entre os dias 21 e 24, mestrandos e doutorandos do programa socializam suas pesquisas durante a 12ª Jornada Discente do PPGJOR, com apresentações de trabalhos, mesas de debates e rodas de conversas. Os trabalhos apresentados na jornada serão publicados em um caderno de resumos. Você pode acessar as publicações das edições anteriores aqui.

    O encerramento da programação especial acontece na sexta-feira, 25, com a realização de mesas temáticas sobre a pesquisa em jornalismo no Brasil e o pioneirismo do PPGJOR/UFSC, com a presença de professores fundadores do Programa. A programação inicia às 9h, no auditório do EFI.

    Sobre o PPGJor/UFSC

     Criado em 2007, o PPGJor/UFSC surgiu da experiência bem-sucedida de três décadas de formação de profissionais jornalistas no curso de Jornalismo, sendo um produto do amadurecimento desta área acadêmica na instituição, por meio de um contínuo investimento na formação docente, na produção científica e na criação da infraestrutura necessária ao empreendimento.

    O Programa conta com três linhas de pesquisa: 1 – Cultura e Sociedade; 2 – Tecnologias, Linguagens e Inovação; e 3 – Conhecimento e profissão e ao longo desses 15 anos formou mais de 170 pesquisadores. Você pode conferir as teses e dissertações defendidas no PPGJor/UFSC aqui.

    Programação

    21/11
    09h – Palestra com a Profª Drª Letícia Cesarino – Auditório do Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH)

    22/11
    13h30min – Palestracom a Profª Drª Fabiana Moraes – Auditório Henrique Fontes (CCE – Bloco B)

    21 a 24/11
    12ª Jornada Discente do PPGJor/UFSC

    25/11
    9h – Mesas temáticas do PPGJOR – Auditório do EFI


  • PPGJOR marca presença com vários pesquisadores no 20 Encontro da SBPJor, em Fortaleza

    Publicado em 09/11/2022 às 13:57

    Entre os dias 9 e 11 de novembro, a Associação Brasileira de Pesquisadores em Jornalismo (SBPJor) realiza, na Universidade Federal do Ceará, em Fortaleza, . o 20o Encontro Nacional de Pesquisadores em Jornalismo. O tema do encontro é “Entre crises e (re) construções: a pesquisa em jornalismo 20 anos depois”.

    O PPGJOR, cujo professor Samuel Lima é o atual presidente da SBPJor,  terá uma presença destacada no evento, com vários trabalhos a serem apresentados por seus integrantes em sessões coordenadas das redes de pesquisa e nas mesas de sessão livre.

    Além da apresentação de trabalhos, na quinta, 11, às 21h, acontecerá a sessão de lançamento de livros. Entre os títulos, está  “Apuração, Redação e Edição”, organizado pelas professoras Gislene Silva, Daisi Vogel e Terezinha Silva e publicado pela Editora da UFSC.

    Confira a programação que envolve nossos pesquisadores:

    SESSÕES COORDENADAS

    Dia 10 – 14h

    TELEJOR: Por mais qualidade no telejornalismo – caminhos para o combate à desinformação – Coordenação: Cárlida Emerim

    Memória, intimidade e combate à desinformação nos Stories do JN: estratégias de construção de confiança e intimidade – Fabiana Piccinin, Cláudia Thomé, Marco Aurelio Reis

     

    RETIJ: Perfil do Jornalista Brasileiro – Sessão 1

    A complexidade e a potência da big data como fonte para pesquisas sobre trajetórias profissionais de jornalistas: uma reflexão metodológica – Andressa Kikuti Dancosky

    Mudanças no mundo do trabalho: o perfil dos jornalistas brasileiros fora da mídia – Mariane Nava, Marluce Evangelista Carvalho Zacariotti, João Augusto Moliani

    Perfil dos Jornalistas na Mídia (2021): Mudanças e Permanências – Vinícius Augusto Bressan Ferreira, Samuel Lima

     

    Dia 11 – 8h30

    TELEJOR: Telejornalismo como campo do conhecimento: balanços e perspectivas

    Desinfodemia e convergência na fronteira oeste do RS: o caso do telejornalismo do JA  – Cárlida Emerim, Roberta Roos Thier, Vivian Belochio

    RADIOJOR: Desafios do radiojornalismo brasileiro na atualidade – Sessão 1

    A reportagem especial como documento radiofônico: análise da série da CBN sobre a Semana de Arte Moderna do Brasil – Arnaldo Zimmermann

    Renami: Experiências da narrativa jornalística contemporânea – Sessão 2

    Da prática à técnica: contribuições de Nilson Lage para compreender a redação jornalística  – Luiz Henrique Zart

    Contadores de histórias reais: o método da reportagem em profundidade a partir do saber de narração entre repórteres especiais no Brasil – Magali Moser

    RENOI: XXX Coordenada da RENOI – Credibilidade no jornalismo – Coordenação: Rogerio Christofoletti

    A credibilidade que está nos manuais de jornalismo: orientações profissionais na literatura técnica – Rogerio Christofoletti

    Transparência jornalística em produtos visuais: um estudo de caso da série Fluência em Notícias de GZH – Denise Bibiano Becker Santos, Kalianny Bezerra de Medeiros

    Ética e credibilidade no jornalismo: uma breve revisão dos conceitos na literatura internacional – Raphaelle Batista

     

    Dia 11 – 14h

    JORTEC: Ciberjornalismo e redes sociais – entre a inovação e a crise

    Como o jornalismo está contextualizado ao mundo digital – Ivone Ananias dos Santos Rocha, Rita Paulino

    RADIOJOR – A produção e o trabalho na reconfiguração do jornalismo sonoro – Sessão 2 – Coordenação: Valci Regina Mousquer Zuculoto 

    Profissionais mulheres em podcasts de jornalismo esportivo: mapeamento revela protagonismos em nicho e ausências em cenário geral no Brasil – Raphaela Xavier de Oliveira Ferro, Valci Regina Mousquer Zuculoto

    O que é notícia nas coberturas radiojornalísticas de Carnaval?  – Anderson Baltar

    A mobilidade do rádio na reportagem: uma análise do programa Notícia na Manhã, da Rádio CBN Floripa – Juliana Gomes, Karina Woehl de Farias

    RETIJ: Perfil do Jornalista Brasileiro – Sessão 2

    Plataformização do trabalho dos jornalistas: uma outra face da precarização – Janara Nicoletti, Roseli Fígaro  – Observatório da Ética Jornalística (objETHOS), Universidade Federal de Santa Catarina

     

    SESSÕES LIVRES

    Dia 10 – 14h

    Futuros para o jornalismo digital – Coordenação: Raquel Ritter Longhi e Marcelo Barcelos

    Jornalismo imersivo, jornalismo experiencial e Metaverso. Um olhar para o devir do ciberjornalismo –  Raquel Ritter Longhi

    Jornalismo e Metaverso: CBS News, BBC News Lab e dez cenários futuros sob o olhar preditivo da ciência – Marcelo Barcelos

    Dia 11 – 8h30

    Jornalismo, produção simbólica e plataformas 

    Atribuições de sentido e dinâmicas de circulação no Twitter: estudo do caso Marcelo Arruda a partir de postagens e interações no Portal G1 – Leopoldo Pedro Neto, Lynara Ojeda de Souza, Lia Pagoto

    Jornalismo, conhecimento e inovação

    Especificidades da socialização de conhecimentos por meio do jornalismo: uma análise Janaíne Kronbauer

    Jornalismo e Tecnologias

    A presença dos jornais Estadão e Meia Hora no TikTok – Ingrid Cristina dos Santos

    Trabalho jornalístico e rotinas produtivas

    Jornalismo local na microrregião do Bico do Papagaio (TO): um estudo de caso do TocNotícias – Alan Milhomem da Silva

    Dia 11 – 14h

    Jornalismo, gênero e questões étnicas II – Coordenação: Daiane Bertasso

    A estratificação do sexo na cobertura de feminicídios em Santa Catarina: reflexões conceituais e metodológicas a partir do pensamento de Gayle Rubin – Fernanda Nascimento, Jessica Gustafson, Isabel Colucci Coelho

    Vítimas de feminicídios na cobertura jornalística da rede NSC: perfis e visibilidade midiática – Maria Terezinha da Silva, Thais Araujo, Eduarda Pereira, Diana Mannes Koch

    Sentidos sobre práticas e fundamentos jornalísticos no jornalismo com perspectiva de gênero – Daiane Bertasso, Ana Beatriz Quinto Martins, Vitor Costa

    Jornalismo e território digital

    Publicidade nativa: fronteiras entre jornalismo e publicidade – Natália Huf

    Jornalismo Especializado

    O acontecimento e as fontes de informação no jornalismo cultural: dois casos históricos do samba como pauta – Matheus Lobo Pismel

    A pesquisa sobre o jornalismo científico: análise de uma década de pesquisas nos anais da SBPJor (2012-2021) – Luiza Costa Silva