Programa de Pós-Graduação em Jornalismo
  • I Simpósio Catarinense de Pedagogia do Jornalismo

    Publicado em 18/11/2019 às 10:59

    Práticas pedagógicas de ensino de Jornalismo são tematizadas em Simpósio na UFSC

    I Simpósio Catarinense de Pedagogia do Jornalismo reúne doze professores/as de cinco Instituições de Ensino Superior para relatar experiências acerca de suas práticas docentes. O evento gratuito, a ser realizado entre os dias 19 e 22 deste mês, às 19h, terá estrutura de mesa de debates com três professores/as convidados/as por noite. Ele ocorrerá na sala 145 do bloco A do Centro de Comunicação e Expressão (CCE) da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Clique aqui!

    O objetivo é proporcionar aos/às pós-graduandos/as  e graduandos/as o contato e a reflexão em relação à realidade das práticas pedagógicas no âmbito do ensino superior, especialmente quando da graduação em Jornalismo. Além disso, o evento visa promover a troca de conhecimentos acerca da docência entre pós-graduandos/as que já possuem experiência na área. Em razão disto, quatro destes/as realizarão a mediação das mesas de debates.

    Para aprofundar a discussão, o Simpósio foi organizado em quatro eixos temáticos: projetos pedagógicos e currículo (19/04), disciplinas teóricas e pesquisa (20/11), disciplinas técnicas e laboratórios (21/11) e extensão, projetos experimentais e trabalhos de conclusão do curso-TCCs (22/11).

    O evento é uma iniciativa da disciplina Pedagogia do Jornalismo, ministrada no Programa de Pós-Graduação em Jornalismo (PPGJOR) da UFSC pelo professor Eduardo Meditsch. Participantes ouvintes podem receber certificados (comparecendo a 70% das atividades).

    Confira a programação completa abaixo com os nomes dos/as professores e mediadores/as convidados/as:

    MESAS

    19/11 – (3ª feira) – Estratégias de ensino: projetos pedagógicos e currículos

    Regina Zandomênico (Estácio)

    Daisi Irmgard Vogel (UFSC)

    Sílvio Melatti (IELUSC)

    Mediação: Leoní Serpa (PPGJOR-UFSC)

     

    20/11 – (4ª feira) – Estratégias de ensino: teorias e pesquisa

    Isabel Colucci (UFSC)

    Rogério Christofoletti (UFSC)

    Edwin Carvalho (UFCA)

    Mediação: Marcelo Barcelos (PPGJOR-UFSC)

     

    21/11 – (5ª feira) – Estratégias de ensino: técnicas e laboratórios

    Cristiane Fontinha Miranda (UFSC):

    Melina Ayres (UFSC)

    Raquel Wandelli (Unisul)

    Mediação: Arnaldo Zimmermann (PPGJOR-UFSC)

    22/11 – (6ª feira) – Estratégias de ensino: extensão, projetos e TCCs

    Samuel Lima  (UFSC)

    Cárlida Emerim (UFSC)

    Painelista/ a confirmar

    Mediação: Lauriano Benazzi (PPGJOR-UFSC)

     


  • Informativo nº 01/PPGJOR/2019 : ELEIÇÃO PARA COORDENAÇÃO DO PPGJOR

    Publicado em 14/11/2019 às 14:14

    A Comissão Eleitoral designada pela Portaria Nº 179/2019/CCE e em consonância com o Edital de Convocação Nº 26/2019/CCE, visando as eleições do(a) Coordenador(a) e Subcoordenador(a) do Programa de Pós-Graduação em Jornalismo, para o biênio 2020-2022, apresenta o cronograma eleitoral nos termos que determina o Regimento Interno do referido Programa. Clique Aqui!

     


  • PPGJOR-UFSC é contra e repudia a MP 905/2019!

    Publicado em 14/11/2019 às 00:27


  • Doutoranda no PPGJor lança livro “Jornalistas e Feministas – A construção da perspectiva de Gênero no Jornalismo”

    Publicado em 06/11/2019 às 16:52

    Será realizado no dia 14 de novembro o lançamento do livro Jornalistas e Feministas – A construção da perspectiva de Gênero no Jornalismo, da doutoranda no Programa de Pós-graduação em Jornalismo (PPGJOR/UFSC), Jessica Gustafson.

    O livro, escrito a partir de sua dissertação de mestrado defendida em 2018 no PPGJOR/UFSC e com orientação da professora Dra. Daiane Bertasso, aborda a possibilidade de existência de uma objetividade feminista no jornalismo, a partir da perspectiva de diversas mulheres, sejam elas jornalistas ou fontes noticiosas, com diferentes localizações.

    O jornalismo feminista é visto através de um olhar crítico, mas ao mesmo tempo sensível, que busca primeiramente um mergulho histórico dos Estudos de Gênero – contextualizando o surgimento do movimento feminista nos Estados Unidos, na Europa e no Brasil, situando as diferentes frentes feministas e dando ênfase à perspectiva de crítica à Ciência.
    Continue a leitura » »


  • Seleção de textos para o e-book Narrativas Complexas

    Publicado em 30/10/2019 às 12:45

    A complexidade narrativa é parte integrante do pensamento humano, assim como os nós neurais, que constroem os nossos sonhos. Entretanto, com o desenvolvimento da tecnologia digital, novas estruturas foram potencializadas, tendo como base o hipertexto, popularizado pelas palavras de Ted Nelson, em 1963. A proposta foi desenvolvida por vários teóricos em uma diversidade de ambientes de narrativas complexas, o tema desta obra. O livro será publicado pela editora portuguesa Ria Editorial (http://www.riaeditorial.com), com processo de avaliação por pares e reconhecido conselho editorial internacional.

    Convidamos os interessados a enviar texto para seleção e posterior integração aos nossos capítulos e ao prefácio internacional de Diego Bonilla (California State University – Sacramento, Estados Unidos). Selecionaremos o máximo de 16 textos para a publicação, que será distribuída gratuitamente em e-book. São aceitas contribuições escritas em português ou espanhol, em formato de estilo APA, disponível em https:// myesecweb.esec.pt/pagina/cdi/ficheiros/docs/APA_6th.pdf. Os textos devem ser enviados ao email submissao.riaeditora@gmail.com até o dia 20/01/2020 em arquivo com extensão DOC ou DOCX, fonte Times New Roman 12, espaço entrelinhas 1,5, e possuir entre 10 e 15 páginas.
    Continue a leitura » »